Jardim Japonês

O Jardim japonês é uma opção bem bacana para quem quer um ambiente bonito e calmo para relaxar. Se você quer investir em um lugar que seja sossegado, onde você possa sentar e refletir, ler um livro, você deveria pensar seriamente em construir um jardim japonês. Esse tipo de jardim é feito justamente para oferecer um lugar onde a sua mente se pacifique sem nenhum esforço, só pela maneira como as plantas estão dispostas.

Para montar o Jardim japonês  é necessário que ele tenha alguns elementos bem específicos, esses elementos que caracterizam o jardim japonês efetivamente.  São eles a lanterna de pedra, que tem por objetivo clarear a mente de quem freqüenta o ambiente. Uma fonte de água que tem por objetivo purificar e transformar a energia. As pedras representam a ancestralidade e tem por objetivo representar o conforto que a família traz. O bambu traz conforto e aconchego, é um símbolo budista. E para completar algumas plantas que dão vida ao jardim.

Para quem tem pouco espaço, dá para fazer um Jardim japonês também, basta investir em pedras brancas pequenas, e em algumas pedras de cor diferente, de tamanho maior. Com as pedras pequenas faça um caminho com curvas, de posse das pedras grandes, as posicione ao longo do caminho já feito com as pedrinhas brancas. Os pedregulhos maiores simbolizam os portos seguros ao longo do caminho.

Com uma lanterna de intensidade não muito forte, posicione no canto do ambiente, a lanterna representa a fonte de luz do caminho, simbolizando também a espiritualidade e o amor que devem sempre nos guiar nas nossas vidas. De posse da fonte, insira esse objeto no fim do caminho das pedras, simbolizando recompensa e porto seguro no fim de uma caminhada.  Como é possível perceber todos esses elementos não são escolhidos ao acaso, eles compõem o ambiente de maneira equilibrada.